Túmulo nazista no Brasil mostra que os Alemães tinham um plano secreto para colonizar a Amazônia

Incrível como os tentáculos dos nazistas chegaram até a amazônia! Pesquisadores documentaram meticulosamente como criminosos de guerra nazistas fugiram para a América do Sul após a Segunda Guerra Mundial. 

Mas muito menos se sabe sobre uma trama que se enraizou antes e durante a guerra: os nazistas esperavam estabelecer uma colônia alemã na América do Sul, conquistando uma faixa da bacia do rio Amazonas.

O plano secreto, chamado Projeto Guiana, teve suas origens em uma expedição à Amazônia liderada por Otto Schulz-Kampfhenkel, zoólogo de Berlim, documentarista e membro da SS de Hitler.
Por 17 meses, de 1935 a 1937, exploradores nazistas sob a orientação de Schulz-Kampfhenkel invadiram florestas ao redor da fronteira do Brasil com a Guiana Francesa. Eles coletaram crânios de animais e jóias indígenas, e eles estudaram a topografia ao longo do rio Jari, um afluente de 491 milhas da Amazônia.

"A expedição começou com as pretensões científicas usuais", disse Jens Glüsing, correspondente de longa data no Brasil para a revista alemã Der Spiegel, que escreveu um livro sobre o Projeto Guiana . "Mas na Alemanha, quando a guerra começou, Schulz-Kampfhenkel aproveitou essa ideia para a expansão colonial nazista".

Schulz-Kampfhenkel apresentou seu plano em 1940 a Heinrich Himmler, o chefe da SS e da Gestapo. Ele imaginou o empreendimento como uma maneira de diminuir a influência regional dos Estados Unidos, tomando o controle da Guiana Francesa e das colônias vizinhas holandesas e britânicas (agora as nações independentes do Suriname e da Guiana).

Mas o sonho de forjar uma Guiana alemã fracassou. Talvez tenha sido porque a Guiana Francesa já havia caído nas mãos amigas do regime colaboracionista de Vichy. Ou talvez tenha a ver com a malfadada expedição Jari.

A expedição tinha um hidroavião Heinkel He 72 Seekadett, que foi promovido como um exemplo de inovação industrial nazista. Mas a aeronave virou depois de bater algumas semanas na expedição.
Ao longo de sua jornada, os exploradores de uma autodenominada “raça superior” tiveram que depender de tribos indígenas para sobreviver e encontrar seu caminho na selva.

Os alemães estavam enfraquecidos pela malária e outras doenças. Schulz-Kampfhenkel sofreu uma grave difteria e uma febre não especificada matou o Sr. Greiner, o chefe da expedição. Sua sepultura permanece até hoje como um testemunho da investida nazista na Amazônia.

Caso queira ler mais acesse hyperborean


Adestrador de cães dedica parte do dia a ensinar vira-latas sem dono

Adestrador de cães no Rio Grande do Sul
 dedica parte do dia treinando vira-latas
Todos os dias, entre as 7h e 7h30 da manhã, o adestrador Anderson Silva Souza ensina um pouco do que sabe aos vira-latas que estão na rua. Ele trabalha há 8 anos com cachorros em Rio Grande (RS), mas reserva uma parte do dia para interagir com os animais que não têm dono.

"A ideia de adestrar os cães de rua surgiu a partir do momento em que eu peguei o meu primeiro, que é o Xirú", contou.

Um dos comandos que Anderson ensinou aos animais é o de atravessar a rua com segurança.

"Tu tem que convencer, né. Tem que ganhar o amigo, ganhar a amizade deles. E isso é uma coisa bem difícil às vezes, porque eles já têm um trauma. Então, eles aceitam o carinho, aceitam a comida, mas eles não querem te seguir realmente".

O treinamento diário chamou a atenção da comunidade. O estudante Paulo Cruz, que já viu o adestramento feito por Anderson, disse que os animais são "bem comportados, sentam no banco, sobem nos monumentos".

Para o adestrador, é importante amar os animais "como a gente ama o nosso próximo".

"Eles não querem nada da gente. Não querem nosso dinheiro, não querem a nossa roupa, eles não querem nada superficial. Eles querem a gente! Eles querem o noss carinho, o nosso amor nosso, a interação com a gente".

Assista a reportagem clicando aqui

Fonte: G1


Cooperar é melhor do que competir

O próximo grande salto evolutivo da humanidade será a descoberta de que cooperar é melhor do que competir.” (Pietro Ubaldi)

Não existe quem, em algum momento do dia, não se questione acerca da humanidade e de sua suposta evolução. Os noticiários trazem muitos fatos que comprovam o quanto algumas pessoas parecem desprovidas de senso, de discernimento, de amor no coração. Quanto mais avança a tecnologia, mais o homem retrocede por dentro, é o que concluímos em muitos momentos.

Talvez pelo alcance sem fronteiras que as notícias possuem através da rede virtual, talvez pela cultura da ostentação consumista, talvez por ausência de religião, pela impunidade, entre outros, fato é que somos cada vez mais surpreendidos pela desumanidade, pela falta de empatia, pela violência que permeia a sociedade. Violência explícita, violência velada, violência.

Pietro de Alleori Ubaldi,
melhor conhecido como
Pietro Ubaldi, foi um
filósofo e pensador
 espiritualista italiano.
Soma-se a isso a competitividade exacerbada que baliza todos os setores da vida. Competimos no mercado de trabalho, na escola, na família, nas redes sociais, na vida em si. Nesse contexto, o outro dificilmente é visto como um amigo, porque pode vir a ser um oponente a qualquer instante. Fragilizam-se, assim, as interações sociais no que têm de mais humano, em tudo o que envolve lealdade, amizade, afeto e amor.

"É preciso conscientizar-se de que cada um de nós terá a parte que lhe cabe sob o sol, pois todos possuímos algo de bom a oferecer ao mundo."


É preciso olhar para fora de si, ajudando o outro, pois somos todos passageiros da mesma embarcação. Quando cooperamos, quando ajudamos, estamos ajudando a nós mesmos também, tornando-nos melhores e mais felizes. Ninguém consegue estar totalmente realizado enquanto pisa as pessoas para subir os degraus de sua jornada.

Você não precisa roubar o brilho de ninguém para emitir luz. Você não precisa diminuir ninguém para se tornar maior. Você não precisa destruir ninguém para construir o seu caminho. A gente vence no coletivo, enquanto dividimos o nosso melhor, compartilhamos conhecimento, ajudamos o próximo. Vencer de forma solitária e mesquinha dificilmente trará o contentamento que a vitória conjunta carrega. Competir saudavelmente, quando a situação o exigir, tudo bem. Deixar de cooperar, para brilhar sozinho, nada bem. O caminho é a convivência harmoniosa, porque quando várias pessoas sorriem, a sensação é maravilhosa. E os resultados práticos também.

Marcelo Yuka: Exemplo de resiliência e coragem



Marcelo Fontes do Nascimento Viana de Santa Ana ou simplesmente Marcelo Yuka. Marcelo foi um dos fundadores do grupo O Rappa e o cabeça por trás das músicas cheias de críticas sociais e políticas. 

Nasceu em Campo Grande no Rio de Janeiro e antes do grupo O Rappa ele tinha uma outra banda na baixada fluminense a KMD-5. 

Em 1986, em Belford Roxo, com a sua primeira
 banda KMD-5. Uma das fotos publicadas
 na autobiografia "Não se preocupe comigo",
 de 2014 Divulgação
O cantor Papa Winnie precisava de uma banda de apoio para fazer seus show no Brasil e foi montado um grupo as pressas. Após acabar a turnê de Papa Winner o grupo decidiu continuar junto e formar uma banda, mas faltava o vocalista e então foi colocado um anúncio no jornal e o cantor Falcão se juntou ao grupo que inclusive já tinha show marcado no Circo Voador, porém, a banda nem tinha nome. Foi então que Yuka viu a expressão "rapa" (que designa o ato em que policiais interceptam camelôs) no jornal e daí começou a história de uma das maiores bandas nacionais.

Com mais de 5 milhões de discos vendidos eles ajudaram a conscientizar toda a uma nação das mazelas sociais, do genocídio dos pobres, do perigo das drogas, enfim, a lista é longa.

Saída de Marcelo Yuka, do hospital São José,
em 2 de dezembro de 2000, após quase
um mês internado Custódio Coimbra
Por ironia do destino em Novembro do ano 2000 após tentar ajudar uma mulher que estava sendo assaltada, Yuka é baleado e fica paraplégico. Outro golpe viria logo em seguida, e, no ano seguinte, Yuka foi expulso do grupo que tinha ajudado a fundar, e nas suas 
próprias palavras por "mesquinharias e coisas pequenas".

Mas, Yuka é um exemplo de resiliência e pouco tempo depois ele viria a fundar uma nova banda O F.U.R.T.O (Frente Urbana de Trabalhos Organizados).

Yuka perdera os movimentos das pernas mas não perdeu a sua força para continuar criando arte e muito ativo ainda passou a fazer pinturas e trabalhar em produções musicais e sociais. 


Marcelo Yuka com o amigo e produtor
 Tom Capone, falecido em 2004
Daí surgiu mais um projeto B.O.C.A (Brigada Organizada de Cultura Ativista) que, por incrível que possa parecer, é uma ONG voltada para levar atividades culturais para entidades carcerárias. Em 2012 quase foi Vice-Prefeito ao lado de Marcelo Freixo no Rio de Janeiro.

Hoje nos despedimos desse grande ser humano e agora ele se junta a outras lendas do rock no plano espiritual, como Chico Sciênce, Renato Russo e outros grandes que entraram para história. Deixo vocês abaixo com alguns vídeos para ajudar a conhecer melhor o trabalho desse grande ser humano.

Yuka com O Rappa comemorando o sucesso
do CD LADO A LADO B em 1998.

Mudanças no campo magnético da Terra

Uma repentina e rápida mudança no campo magnético da Terra fez com que cientistas da Agência Nacional de Inteligência Geoespacial (NGA), dos Estados Unidos, e do Centro Geográfico de Defesa (DGC), do Reino Unido, começassem a se preparar para atualizar, um ano antes do previsto, o modelo existente de descrição do campo magnético, conhecido como Modelo Magnético Mundial (MMM).
O campo magnético é uma “camada” de força existente entre os polos positivo e negativo – mantidos pelo nosso planeta devido ao núcleo composto por metal líquido –, chamada magnetosfera, que protege a superfície terrestre.
“É o campo magnético que nos protege das partículas que vêm de fora, especialmente do vento solar (que pode ser muito nocivo)”, explicou à BBC News o geólogo e pesquisador do Instituto de Astronomia e Geofísica da Universidade de São Paulo (USP) Ricardo Ferreira Trindade.
Boa parte do campo magnético é gerada pela movimentação dos metais líquidos que compõem o centro da Terra. Sendo assim, com a variação do fluxo, o campo se modifica. Apesar de já ser esperada a mudança constante de posição do polo norte dentro de um certo limite, nos últimos anos, ele está se movendo do Canadá para a Sibéria em uma velocidade muito maior do que a projetada pelos cientistas.
A questão, como explica Trindade, é que nos últimos dez anos ele tem “variado numa velocidade muito maior do que variava antigamente”.
Acesse aqui a matéria completa.

Cientistas germinam semente na Lua

Pela primeira vez cientistas conseguiram germinar sementes de algodão na lua, em um ambiente controlado artificialmente, é claro. Ainda assim, é um grande feito para a ciência já que o broto está crescendo na esfera lunar, e, de grande importância, tendo em vista a necessidade de cultivar alimentos para missões de longo prazo.

O broto emergiu de uma estrutura semelhante a uma treliça, dentro de uma caixinha, depois que, fazendo História, a sonda Chang'e 4 pousou no início deste mês, de acordo com uma série de fotos divulgadas pelo Instituto de Pesquisa de Tecnologia Avançada da Universidade de Chongqing.

— Esta é a primeira vez que os seres humanos realizam experimentos de crescimento biológico na superfície lunar — disse Xie Gengxin, que liderou o projeto do experimento, segundo o jornal britânico "The Guardian".

A capacidade de cultivar plantas no espaço é vista como crucial para missões espaciais de longo prazo e para estabelecer postos avançados humanos em outras partes do sistema solar, como em Marte. Colher comida no espaço, idealmente usando água extraída localmente, significaria que os astronautas poderiam sobreviver por muito mais tempo sem retornar à Terra em busca de suprimentos.

A sonda Chang'e 4 fez o primeiro pouso do mundo no "lado oculto" da Lua, em 3 de janeiro — um passo importante nas ambições da China de se tornar uma superpotência espacial.

Como funciona o experimento

Cientistas da Universidade de Chongqing, que projetaram o experimento “mini biosfera lunar”, enviaram para lá um recipiente semelhante a um balde de 18cm, contendo ar, água e solo. No interior, há algodão, arabidopsis — uma pequena planta da família da mostarda — e sementes de batata, bem como ovos de moscas e leveduras.

Imagens enviadas pela sonda mostram que uma planta de algodão cresceu bem. Mas, até o momento, nenhuma das outras plantas brotou, disse a universidade.

A Chang'e 4 também é equipada com instrumentos desenvolvidos por cientistas de Suécia, Alemanha e China para estudar o ambiente lunar, a radiação cósmica e a interação entre o vento solar e a superfície da Lua.

A sonda levou consigo um robô, apelidado de Yutu 2, que realizará experimentos em uma das principais crateras do satélite.

Acesse aqui a matéria completa.

Curta Consciências Livres

TAO – A SABEDORIA DO SILÊNCIO INTERNO

Pense no que vai dizer antes de abrir a boca. Seja breve e preciso, já que cada vez que deixa sair uma palavra, deixa sair uma parte do seu Chi (energia). Assim, aprenderá a desenvolver a arte de falar sem perder energia. Nunca faça promessas que não possa cumprir. Não se queixe, nem utilize palavras que projetem imagens negativas, porque se reproduzirá ao seu redor tudo o que tenha fabricado com as suas palavras carregadas de Chi.

Se não tem nada de bom, verdadeiro e útil a dizer, é melhor não dizer nada. Aprenda a ser como um espelho: observe e reflita a energia. O Universo é o melhor exemplo de um espelho que a natureza nos deu, porque aceita, sem condições, os nossos pensamentos, emoções, palavras e ações, e envia-nos o reflexo da nossa própria energia através das diferentes circunstâncias que se apresentam nas nossas vidas. Se se identifica com o êxito, terá êxito. Se se identifica com o fracasso, terá fracasso. Assim, podemos observar que as circunstâncias que vivemos são simplesmente manifestações externas do conteúdo da nossa conversa interna. Aprenda a ser como o universo, escutando e refletindo a energia sem emoções densas e sem preconceitos.

Porque, sendo como um espelho, com o poder mental tranquilo e em silêncio, sem lhe dar oportunidade de se impor com as suas opiniões pessoais, e evitando reações emocionais excessivas, tem oportunidade de uma comunicação sincera e fluída. Não se dê demasiada importância, e seja humilde, pois quanto mais se mostra superior, inteligente e prepotente, mais se torna prisioneiro da sua própria imagem e vive num mundo de tensão e ilusões. Seja discreto, preserve a sua vida íntima. Desta forma libertar-se-á da opinião dos outros e terá uma vida tranquila e benevolente invisível, misteriosa, indefinível, insondável como o TAO.

Não entre em competição com os demais, a terra que nos nutre dá-nos o necessário. Ajude o próximo a perceber as suas próprias virtudes e qualidades, a brilhar. O espírito competitivo faz com que o ego cresça e, inevitavelmente, crie conflitos. Tenha confiança em si mesmo. Preserve a sua paz interior, evitando entrar na provação e nas trapaças dos outros. Não se comprometa facilmente, agindo de maneira precipitada, sem ter consciência profunda da situação.

Tenha um momento de silêncio interno para considerar tudo que se apresenta e só então tome uma decisão. Assim desenvolverá a confiança em si mesmo e a Sabedoria. Se realmente há algo que não sabe, ou para que não tenha resposta, aceite o fato. Não saber é muito incómodo para o ego, porque ele gosta de saber tudo, ter sempre razão e dar a sua opinião muito pessoal. Mas, na realidade, o ego nada sabe, simplesmente faz acreditar que sabe.

Evite julgar ou criticar. O TAO é imparcial nos seus juízos: não critica ninguém, tem uma compaixão infinita e não conhece a dualidade. Cada vez que julga alguém, a única coisa que faz é expressar a sua opinião pessoal, e isso é uma perda de energia, é puro ruído. Julgar é uma maneira de esconder as nossas próprias fraquezas.


O Sábio tolera tudo sem dizer uma palavra. Tudo o que o incomoda nos outros é uma projeção do que não venceu em si mesmo. Deixe que cada um resolva os seus problemas e concentre a sua energia na sua própria vida. Ocupe-se de si mesmo, não se defenda. Quando tenta defender-se, está a dar demasiada importância às palavras dos outros, a dar mais força à agressão deles. Se aceita não se defender, mostra que as opiniões dos demais não o afetam, que são simplesmente opiniões, e que não necessita de os convencer para ser feliz. O seu silêncio interno torna-o impassível. Faça uso regular do silêncio para educar o seu ego, que tem o mau costume de falar o tempo todo.


Pratique a arte de não falar. Tome algumas horas para se abster de falar. Este é um exercício excelente para conhecer e aprender o universo do TAO ilimitado, em vez de tentar explicar o que é o TAO. Progressivamente desenvolverá a arte de falar sem falar, e a sua verdadeira natureza interna substituirá a sua personalidade artificial, deixando aparecer a luz do seu coração e o poder da sabedoria do silêncio.

Graças a essa força, atrairá para si tudo o que necessita para a sua própria realização e completa libertação. Porém, tem que ter cuidado para que o ego não se infiltre… O Poder permanece quando o ego se mantém tranquilo e em silêncio. Se o ego se impõe e abusa desse Poder, este converter-se-á num veneno, que o envenenará rapidamente.

Fique em silêncio, cultive o seu próprio poder interno. Respeite a vida de tudo o que existe no mundo. Não force, manipule ou controle o próximo. Converta-se no seu próprio Mestre e deixe os demais serem o que têm a capacidade de ser. Por outras palavras, viva seguindo a via sagrada do TAO.

Visão Espiritualista da Transição Planetária Parte 01

Saudações meus irmãos, o objetivo deste vídeo é abordar o tema transição planetária de forma holística, usando para isso algumas referências espíritas, umbandista, gnóstica e cientifica. Espero que gostem. Ajude esse canal compartilhando e curtindo o vídeo.

Namastê.

Parte 01


Parte 02


Parte 03


Parte 04



Junte-se a nós em nossas redes sociais:

Chico Science e o Movimento Mangue Beat

O que aconteceria se misturassem maracatu, rock, funk americano e música eletrônica e inclusive letras recheadas de críticas sociais, poesia e literatura de cordel ?! Foi exatamente o que fez o movimento de contracultura Mangue Beat. 

O movimento foi encabeçado por Chico Science, Fred 04 e outros artistas da década de 90, Fred 04 criou o primeiro manifesto intitulado “Caranguejos com cérebro” porém o movimento ficou famoso com Chico Science e sua banda Nação Zumbi.

A imagem que representa o movimento é uma antena parabólica enfiada na lama, a ideia aqui é misturar cultura pop mundial com a cultura regional pernambucana, desta forma cria-se uma fusão proveitosa para ambas as partes. 

O movimento Armorial criado por Ariano Suassuna na década de 70 tinha fortalecido e preservado a cultura popular pernambucana do globalismo pop, e os jovens da década de 90 que estavam saturados da regionalidade sentiam necessidade de uma maior abertura cultural. Daí surgiu o manguebit ou manguebeat.

Infelizmente Chico Science teve a carreira encurtada por um trágico acidente em 1997 e nos presenteou com 2 álbuns maravilhosos Da Lama ao Caos (1994) e Afrociberdelia (1996), sua fama correu o mundo e o álbum Da Lama ao Caos ficou na 13ª posição como o melhor disco brasileiro avaliado pela revista Rolling Stone. 

Uma curiosidade é que a morte do vocalista da banda Nação Zumbi foi provocada por uma fechada na estrada, ele dirigia uma Fiat Uno que apresentou falha no cinto de segurança a família entrou na justiça e recebeu 10 milhões de indenização devido a perda incalculável. 

O movimento manguebeat continua vivo influenciando diversas bandas brasileiras como Sepultura, Cordel do Fogo, Mundo Livre S/A, Seu Pereira e outros. Chico Science era um gênio e tinha a autenticidade, irreverência e crítica social como sua marca, por isso prestamos a justa homenagem ao movimento que fortalece a cultura nacional e ao gênio Francisco de Assis França o vulgo Chico Science.

Se você quiser saber mais segue abaixo 4 links com vídeos sobre o artista:

  1. Chico Science - Um Caranguejo Elétrico (Documentário)
  2. Especial da TV Jornal sobre Chico Science
  3. CHICO SCIENCE vs ARIANO SUASSUNA
  4. JORGE BEN, CHICO SCIENCE, EMICIDA #meteoro.doc

Nossa homenagem ao artista vem através desta
arte estampada em camisa de alta qualidade.
Se quiser prestigiar ficaremos felizes!

Resumo das comunicações do Mestre Ramatis sobre a Transição Planetária


O espírito hindu Ramatís trouxe comunicações
muito esclarecedoras através do médium
Hercílio Maes entre os anos de 1948 e 1949.
O QUE É E COMO OCORRERÁ O ‘FIM DOS TEMPOS’

“O ‘fim do mundo’ profetizado refere-se tão somente ao fim da humanidade anti-cristã; será uma seleção em que se destaquem os da ‘direita’ e os da ‘esquerda’ (Não confunda isso com o espectro político) do Cristo. Trata-se de promoção da Terra e de sua humanidade; lembra um severo exame que, para os alunos relapsos e ociosos, representa terrível calamidade!

“As épocas de ‘juízo final’, têm também por função ajustar a substância planetária para se tornar melhor habitat e, consequentemente, requerem seleção de almas com melhor padrão, necessário para as sucessivas reencarnações em moradia aperfeiçoada.” (pg. 41)

EFEITOS FÍSICOS SOBRE A TERRA.


É óbvio que, ao se elevar o eixo terráqueo, o que há de acontecer até o fim deste século, também se modificarão, aparentemente, os quadros do céu astronômico com que estão acostumadas as nações, os povos e tribos, ...” (pg. 122)


“Com a elevação gradativa do eixo terráqueo, os atuais pólos deverão ficar completamente libertos dos gelos e, até o ano 2000, aquelas regiões estarão recebendo satisfatoriamente o calor solar. O degelo já principiou; vós é que não o tendes notado....


O degelo descobrirá à luz do dia as vastas regiões que se encontram refrigeradas e que conservam em seu seio vegetação luxuriante e minerais preciosos, que servirão ao homem do terceiro milênio. Grandes reservas nutritivas, de muito antes da catástrofe da Atlântida, resguardam-se debaixo do gelo, desde quando os pólos não eram ainda regelados e que a Terra se situava noutras condições em relação ao seu eixo imaginário. ” (pg. 228)



O EXÍLIO NO ASTRO INTRUSO.

“Simbolizai esse astro num gigantesco aspirador magnético que deve efetuar a absorção dos detritos mentais que povoam e obscurecem a atmosfera etéreo-astral da Terra, detritos esses que servem de barreira às influências benéficas dos bons Espíritos sobre o vosso mundo, assim como a poeira nas vidraças dificulta a penetração dos raios solares.

“O seu papel é o de atrair para o seu bojo etéreo-astral todos os desencarnados que se sintonizem com sua baixa vibração, pois, analogamente às limalhas de ferro quando atraídas por ferro magnético, esses espíritos terrícolas desregrados, ... ver-se-ão solicitados para a aura do orbe visitante.

Essas entidades atraídas para o astro intruso serão os egoístas, os malvados, os hipócritas, os cruéis, os desonestos, os orgulhosos, tiranos, déspotas e avaros; ... encontrarão o cenário adequado aos seus despotismos e degradações, pois o habitante desse orbe encontra-se na fase rudimentar do homem das cavernas; mal consegue amarrar pedras com cipó, para fazer machados! A Terra será promovida à função de Escola do Mentalismo e os desregrados, ou os esquerdistas do Cristo, terão que abandoná-la, por lei natural de evolução.”

NOVA CIVILIZAÇÃO E NOVA TERRA DE PAZ


“A vida sempre se reorganiza novamente, após as grandes comoções do orbe, a fim de se apresentarem novas oportunidades, mais eficazes, para o adiantamento da almas, que também pressentem a proximidade dos eventos importantes.” (pg. 32 e 33)

Apesar de apresentar a Terra satisfatórias condições de habitabilidade, a humanidade terrícola ainda não encontrará, no princípio do terceiro milênio, um panorama edênico e venturoso. Serão aplicados todos os esforços e conhecimentos artísticos, científicos e educativos, para a edificação de um cenário agradável à existência humana dos escolhidos. O êxito desejado não será obtido de modo ex-abrupto, mas sim no decorrer dos primeiros dois ou três séculos, como fruto do entendimento entre as criaturas bem intencionadas. ... Ao começo, quase tudo estará por fazer e renovar. ...” (pg. 290)

Nem todos os países e agrupamentos serão atingidos catastroficamente pelas comoções geológicas, submersões de faixas litorâneas e pelas inundações inevitáveis, porquanto a elevação do eixo se processará gradativamente. No plano traçado pela engenharia sideral já foram assinaladas as coletividades que devem permanecer como sustentáculos das tradições morais, históricas e iniciáticas, a fim de servirem de base lógica e sensata para o desenvolvimento disciplinado da civilização futura.” (pg. 294)

A GUERRA


Quando se fizer a conjunção dos efeitos do astro intruso com os efeitos da loucura humana, no mau emprego da desintegração atômica, a terra será abrasada.” (pg. 219)

“Até o final deste século, libertar-se-ão da matéria dois terços da humanidade, através de comoções sísmicas, inundações, maremotos, furacões, terremotos, catástrofes, hecatombes, guerras e epidemias estranhas. O conflito entre o continente asiático e o europeu, já mentalmente delineado entre os homens para a segunda metade do século, com a cogitação do emprego de raios incendiários e da arma atômica, comprovará a profecia de São João, quando vos adverte de que o mundo será destruído pelo fogo e não mais pela água.

Em virtude dos cientistas não poderem prever com absoluto êxito os efeitos de vários tipos de energias destrutivas, que serão experimentadas para serem empregadas na hecatombe final, mesmo no período de Paz e com o mundo exausto, surgirão estranhas epidemias, deformando, diluindo e perturbando os genes formativos de muitas criaturas, do que resultarão sofrimentos para as próprias gestantes!”

 

 MENSAGENS FINAIS.

As almas trazem impressas em sua retina espiritual as recordações dos acontecimentos dolorosos que já viveram de modo catastrófico e, além disso, recebem instruções, no Espaço, sobre aquilo que está para acontecer. Todos vós estais devidamente avisados dos próximos eventos dos ‘tempos chegados’; conheceis, no subjetivismo de vossas almas, a sequência dos fatos que se desenrolarão sobre a crosta do vosso orbe. ...” (pg. 34 e 35)

“Não vos impressioneis, portanto, e aguardai, na rotina comum de vossas vidas, o dia em que o Alto vos pedirá provas de amor, de bondade e de perdão! ... Em qualquer ‘fim do mundo’ que ocorrer durante vossas existências espirituais, a vossa libertação só será encontrada na vossa absoluta integração nos postulados do Evangelho do Cristo!” (pg. 38)

“... , embora nos preocupemos com a sequência dos próximos eventos trágicos, procurando explicá-los de modo compreensível às vossas mentes, cogitamos mais seriamente do conteúdo crístico do que mesmo do fenômeno astronômico, pois só o primeiro é que poderá diplomar-vos para as academias superiores do Espírito.”


GRANDES TRANSFORMAÇÕES DO FINAL DO SÉCULO: O BRASIL SERÁ NÃO SÓ O CELEIRO MAS, TAMBÉM, O CORAÇÃO DO MUNDO

Muitos sinais serão dados de que os tempos são chegados. O mundo não acabará, como pensam alguns: sofrerá apenas tremendas modificações com a verticalização do eixo da Terra. O que está em cima, para baixo irá e, o que está embaixo, ressurgirá. Montanhas se tornarão planícies e mares invadirão terras. Vosso país muito será poupado.

Muitos dos nossos irmãos escolhidos já aqui se encontram, reencarnados, e outros virão de outras terras, daquelas que já se acham condenadas. Homens, assumi vosso verdadeiro papel! Homens, meditai sobre vossos erros! Homens, voltai atrás em vossas vaidades! Reconsiderai e segue pela estrada do Bem e do Amor! O Brasil será não só o celeiro mas, também, o coração do mundo. Perguntareis: por que coração? Somente por ser o povo que mais conhecimento tem das coisas espirituais.
...
Aqui Jesus pousou agora os seus olhares, aqui na vossa terra, nesse imenso continente que tanto foi poupado aos cataclismos da Natureza que assolam os outros países.

TEXTO FINAL DE RAMATIS PARA OS BRASILEIROS

Sim, aqui Jesus pousou seus doces olhares e aqui fixou sua residência astral, até que o advento do Terceiro Milênio passe e refloresça. Será daqui, de sobre esta nação pacifista e amiga de todas as outras, cujo povo abre seus braços a todos os seus irmãos de todas as latitudes e quadrantes do globo, que Jesus emitirá suas vibrações.

É daqui que partirão as emissões do seu entranhado amor aos homens. É daqui que, como de um grande coração ardente, partirá a chama de amor para a humanidade, que ressurgirá das cinzas do que está para vir.

O que está para vir é quase irreversível. Dizemos quase, porque muita coisa pode ainda ser mudada, se assim o desejarem os homens e se para isto se esforçarem. Daqui, desta terra, deste imenso Brasil, partirão os fundamentos do mundo de amanhã. Não queremos dizer com isto que não sejais também sacudidos por grandes acontecimentos, mas eles todos serão de pouca monta em relação com o que acontecerá em outras regiões da Terra. Nada aqui perecerá definitivamente, vossos férteis campos e vossas cidades pouco mudarão, apesar de também sofrerdes os efeitos da verticalização do eixo da Terra. Mas como saireis reforçados e mais seguros espiritualmente depois de tudo isso!

Meus queridos irmãos, dessa misteriosa e selvagem Amazônia, um grande destino vos está reservado. Praza aos Céus que possais levar a cabo a missão que vos cabe no grande plano que aqui no Alto, foi traçado.



BRASIL SERÁ O CORAÇÃO DO MUNDO

Meus bons trabalhadores e amigos, hoje estamos contentes e felizes. Grande vitória alcançamos com a encarnação de um nosso grande companheiro de luz, cujo nome não tenho ainda permissão para vos revelar. Sob essa bandeira verde e amarela, nasceu ainda hoje, para os grandes trabalhos que o esperam. Praza a Deus que sua iluminação seja sempre e sempre cada vez mais evidente, desde os mais tenros anos de vida, de sua vida passada aqui embaixo. A aura desse nosso companheiro é de grande potência. Suas vibrações, desde sua infância, se espalharão beneficamente sobre este Brasil, fazendo pulsar cada vez mais bondoso e compreensivo o coração desta terra símbolo do Novo Mundo que breve despontará. Aqueles que daqui partirem (para um planeta inferior) começarão de muito baixo a caminhar novamente para frente e aqueles que aqui permanecerem, também caminharão para frente, para o alto, mas de forma diferente.

... os homens se amarão, os homens descobrirão novas coisas, os homens se visitarão de planeta a planeta e a Terra será um novo paraíso, aquele paraíso tão decantado há séculos e séculos. Que Deus esteja presente em vossos corações, hoje e sempre, é o que vos deseja o vosso irmão em Deus.


Sua última encarnação teria sido na 
Indochina do século X d.C., 
segundo o médium Hercílio Maes. 
À época, teria sido instrutor em um 
santuário iniciático, falecendo ainda cedo.










A dificuldade de estarmos no presente

A dificuldade de nos conectarmos com o que está ao nosso redor, com o que está acontecendo no presente é uma das árduas tarefas que precisamos a cada dia nos atentar.
Por que estamos quase sempre agindo no automático?
Por que estamos quase sempre (ou sempre) com os mesmos pensamentos ou múltiplos pensamentos?
Por que? São tantas questões!
Preciso é que silenciemos para que possamos nos dá esse presente que é viver cada momento no instante que ele acontece.
Já pensou em como você vive?

Leia mais Aqui.

Curta a nossa página no Facebook Consciências Livres

Popular Posts