Marcelo Yuka: Exemplo de resiliência e coragem



Marcelo Fontes do Nascimento Viana de Santa Ana ou simplesmente Marcelo Yuka. Marcelo foi um dos fundadores do grupo O Rappa e o cabeça por trás das músicas cheias de críticas sociais e políticas. 

Nasceu em Campo Grande no Rio de Janeiro e antes do grupo O Rappa ele tinha uma outra banda na baixada fluminense a KMD-5. 

Em 1986, em Belford Roxo, com a sua primeira
 banda KMD-5. Uma das fotos publicadas
 na autobiografia "Não se preocupe comigo",
 de 2014 Divulgação
O cantor Papa Winnie precisava de uma banda de apoio para fazer seus show no Brasil e foi montado um grupo as pressas. Após acabar a turnê de Papa Winner o grupo decidiu continuar junto e formar uma banda, mas faltava o vocalista e então foi colocado um anúncio no jornal e o cantor Falcão se juntou ao grupo que inclusive já tinha show marcado no Circo Voador, porém, a banda nem tinha nome. Foi então que Yuka viu a expressão "rapa" (que designa o ato em que policiais interceptam camelôs) no jornal e daí começou a história de uma das maiores bandas nacionais.

Com mais de 5 milhões de discos vendidos eles ajudaram a conscientizar toda a uma nação das mazelas sociais, do genocídio dos pobres, do perigo das drogas, enfim, a lista é longa.

Saída de Marcelo Yuka, do hospital São José,
em 2 de dezembro de 2000, após quase
um mês internado Custódio Coimbra
Por ironia do destino em Novembro do ano 2000 após tentar ajudar uma mulher que estava sendo assaltada, Yuka é baleado e fica paraplégico. Outro golpe viria logo em seguida, e, no ano seguinte, Yuka foi expulso do grupo que tinha ajudado a fundar, e nas suas 
próprias palavras por "mesquinharias e coisas pequenas".

Mas, Yuka é um exemplo de resiliência e pouco tempo depois ele viria a fundar uma nova banda O F.U.R.T.O (Frente Urbana de Trabalhos Organizados).

Yuka perdera os movimentos das pernas mas não perdeu a sua força para continuar criando arte e muito ativo ainda passou a fazer pinturas e trabalhar em produções musicais e sociais. 


Marcelo Yuka com o amigo e produtor
 Tom Capone, falecido em 2004
Daí surgiu mais um projeto B.O.C.A (Brigada Organizada de Cultura Ativista) que, por incrível que possa parecer, é uma ONG voltada para levar atividades culturais para entidades carcerárias. Em 2012 quase foi Vice-Prefeito ao lado de Marcelo Freixo no Rio de Janeiro.

Hoje nos despedimos desse grande ser humano e agora ele se junta a outras lendas do rock no plano espiritual, como Chico Sciênce, Renato Russo e outros grandes que entraram para história. Deixo vocês abaixo com alguns vídeos para ajudar a conhecer melhor o trabalho desse grande ser humano.

Yuka com O Rappa comemorando o sucesso
do CD LADO A LADO B em 1998.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Popular Posts